Vang Vieng, a cidade dos balões de ar quente

A primeira impressão que tivemos quando chegámos a Vang Vieng foi que tínhamos chegado ao Algarve em Agosto. Não pelo trânsito ou praias a abarrotar, mas pela quantidade de turistas que vagueavam pela ruas e enchiam as lojas e os restaurantes.

Esta cidade é muito frequentada por viajantes, como nós, que se servem do rio, dos desportos náuticos, das caves e lagoas para passarem uns dias a relaxar.

Depois de encontrarmos o Boutang Guest House, hotel que nos abrigaria esta noite, fomos à procura de um sítio para jantar e  planear o dia seguinte.

E como em Abril águas mil, e a Ásia parece não escapar ao ditado, enquanto jantávamos começou a chover e a trovejar. Muita chuva e muita trovoada que se prolongou toda a noite. Que azar…

No dia seguinte, no rescaldo da tempestade, abrimos as cortinas dos quartos e deparámo-nos com um cenário mágico. Vang Vieng tem realmente uma paisagem que nos faz sentir num postal, com o balões de ar quente a levantar de tempos a tempos.

A cidade tem alguns pontos de atividades junto ao rio, mas optámos por passar o nosso dia na Lagoa Azul.

A Lagoa Azul fica a cerca de 30 minutos de tuc-tuc, desde o centro da cidade e lá podemos fazer slide pela montanha, visitar a gruta Tham Phu Kham, dar mergulhos e nadar na lagoa ou ficar simplesmente a relaxar e a ver os saltos acrobáticos dos mais corajosos, que se arriscam a saltar dos pontos mais altos.

Dica: a viagem de ida e volta de tuc-tuc ronda os 120 000 kips, mais 15 000 kips de portagem de uma ponte de bamboo que atravessa o rio. Para entrar na zona da Lagoa Azul, que inclui o acesso à gruta Tham Phu Kham, paga-se 10 000 kips por pessoa.

Lagoa Azul

Lagoa Azul

Depois de muitos mergulhos e de alguma galhofa a chuva e a trovoada voltaram, e fizeram-nos companhia até chegarmos novamente ao hotel.

À noite, já sem chuva e trovoada, pusemo-nos a caminho da próxima e última cidade do Laos, Luang Prabang.

Na nossa opinião, Vang Vieng é uma cidade muito orientada aos turistas, o que faz com que perca um pouco a mística de uma cidade asiática. No entanto, pela magnífica paisagem, e pelas diversas atividades junto ao rio, vale a pena visitar!

Lah gòrn Vang Vieng!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s